terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Arte é a aptidão de descobrir e visualizar o belo no que, de primeira, não existe beleza. Saber enxergar o normal no diferente, e viver o diferente como algo normal.

( Maria de Fátima Gomes Silva )

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

No silêncio de um quarto vazio


Entre quatro paredes, ecoa o silêncio e a voz suave das minhas lágrimas. Uma vida se transforma em um único dia, sem lua, sem sol, apenas uma dia nublado, escuro, sombrio...
Prevalece a vontade de sair caminhando por linhas tortas, e depositar todas as belezas do meu mundo em uma única borboleta, o bonito no belo, sem dia, sem hora, sem data marcada para retorno... Se retornar...
Porém estou aqui, sentada no escuro e no silêncio de um quarto solitário, sem fome, sem frio, sem calor... Apenas a segurar uma xícara com café, e com pensamentos vagando num lugar incerto, talvez em um paraíso inalcançável , sem a necessidade de cigarro, álcool... Drogas... Apenas extasiada pela solidão e pela carência. Em um intenso descontrole psicótico. O medo inibe a minha força, impedindo que eu abra as portas que me levam a realidade... Eu continuo aqui, flutuando transparente no vazio, muitos me enxergam, da forma não exata, na forma de um arco-iris, onde por trás, esconde-se outro, incolor, preto e branco... "FALO DO QUE FAÇO, MAS NÃO DO QUE SINTO, OU DO QUE SOU"
Eu espero ansiosa pela cura do tempo. Tudo passa, vai passar, e eu estarei ali, forte e pronta para as próximas conquistas reinventadas...

(Maria de Fátima)
Imagem de algum site online.

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Uma carta.



"O amor é um sentimento que deve ser compartilhado por dois corpos e uma alma."


Em um único mundo, existem milhares e milhares de mundos desconhecidos, cada pessoa é um mundo distinto, mas poucas pessoas permitem ser exploradas ou conhecidas, muitas se prendem dentro do seu próprio mundo. Isso é o que causa muitos problemas na relação á dois. " As pessoas dividem muitos sorrisos juntos, mas não dividem lágrimas", é um exemplo.
Conosco quero que seja diferente. Eu não quero partilhar apenas dos seus beijos e abraços, quero muito mais, quero penetrar na sua alma, quero conhecer o seu mundo e fazer dele o meu mundo. Quero partilhar das suas alegrias e tristezas também, não quero apenas está presente na platéia que te aplaude, mas quero estar introduzida nas lutas contra seu fracasso e suas derrotas. Quero partilhar de todas as emoções e sensações sentidas pelo seu ser. Quero conhecer os seus pensamento e está presente neles, você constitui os meus. Quero, acima de tudo, fazer parte da sua vida até aonde se limita o "PRA SEMPRE".
Agradecer pelas coisas boas que você me proporciona, é pouco. A sensibilidade para pedir-lhe desculpas tem valor elevado. Peço-te desculpas pelas atitudes impensadas, que foram, automaticamente, arquivadas na sua memória e fizeram cicatrizes eternas, porém, assim como o passado nunca é puro, é sempre reconstruído, eu não posso deletar a imagem que você criou de mim, perante tais atitudes, mas posso REEDITA-LAS a partir de novos atos, processo qual já foi iniciado.
Hoje é um dia importante, mas a suma importância que você tem na minha existência é incomparável a qualquer outra importância, o que é perceptível a cada segundo que passa.
Você é essencial, você não faz a minha vida, você é o meu viver, um dos motivos pelo qual respiro, suspiro e vivo. É a âncora que me mantém firme.
QUERO que esteja ao meu lado até o ultimo segundo da eternidade.
Eu te amo, e dedico o que há de melhor no meu "ser" a você.
Do teu amore: Mariiaziinhah !!

(Maria de Fátima Gomes)
Imagem de algum site online.

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

O que é felicidade?


Há quem diga que ser feliz é não ter problemas, é não deixar cair uma lágrima, é não ter decepções. PORÉM, há quem reconheça que ser feliz é o inverso, é enxergar a felicidade como sinônimo de VIDA, no sentido de viver fazendo SENTIDO, de ter força para enfrentar e resolver os problemas, e não sendo vitima deles; É ver graça nas incompreensões e nos desafios da vida, é fazer de decepções degraus, é admitir um erro e depois fazer diferente, é ser espelho da própria alma e não da desalmada sociedade , é manter a ESSÊNCIA da própria personalidade, reconhecendo as qualidades e os defeitos de si próprio, deixando ser invadido pela SENSIBILIDADE e chorar, quebrando as barreiras construídas pelo orgulho, esse que CONTRIBUI para que o muro de tristeza seja construído dentro de si mesmo . Ser feliz é quebrar as correntes da própria maldade, ter paz, amor e positividade.
Ser feliz não é fazer da VIDA um show, é mais que isso, é fazer dos desafios, dos problemas, das decepções, o maior passo para tornar-la um ESPETÁCULO.

Ser feliz é chorar como criança e sorrir como palhaço,ou seja, é excluir os caminhos da própria maldade.
(MARIA DE FÁTIMA GOMES)
Imagem de algum site online.